Escolher uma profissão não é tarefa fácil. Mas se existe algo que ajuda a tomar essa decisão, é entender melhor qual o seu perfil e as possibilidades existentes. Para quem gosta de ler e tem a ideia de ampliar o amor pela leitura, é importante saber que existem cursos em diferentes áreas do conhecimento. Todos podem ser realizados e aplicados de diferentes maneiras.

A leitura é um hábito que colabora bastante para o desenvolvimento da comunicação e expressão. Ler expande a capacidade de compreensão e exercita o cérebro. Todo bom profissional deveria cultivar esse costume, independentemente da área em que escolheu atuar. Adquirir a clareza na forma de ler e se comunicar é fundamental para melhor produtividade e aproveitamento de tempo.

Ler promove a melhora na escrita, ajuda na organização do pensamento de forma mais objetiva, além de colaborar na criação de argumentos para encarar situações que envolvem decisões importantes. A agilidade no tempo de pensar é ativada, e é uma atividade que deve ser praticada e incentivada em todas as idades.

Os cursos superiores em geral possuem uma extensa bagagem de leitura, mas existem alguns específicos e dedicados a essa prática. Confira:

Letras

Na graduação de Letras é preciso optar pela licenciatura ou pelo bacharelado. A primeira habilita o profissional a dar aulas, já o segunda forma o profissional para investigação e teorias da linguagem e literaturas. Também é necessário decidir qual a ênfase de estudo: em relação à língua e também a especialização.

O curso proporciona uma diversidade impressionante de habilitações. É possível escolher entre português, inglês, espanhol, alemão, italiano, entre tantas outras línguas que a instituição de ensino oferta. E na especialização existe a possibilidade de escolher entre tradução, literatura, linguística, edição etc.

O profissional de Letras precisa estar aberto e ter interesse em aprender sobre novas culturas, já que estudar uma língua diferente, resulta em aprofundar e conhecer culturas e maneiras diferente de pensar.

É um curso de turno parcial, diurno ou noturno, podendo ser presencial e a distância. E é importante ressaltar que o diploma da graduação de Letras obtido em curso a distância (EAD) reconhecido pelo MEC vale tanto quanto o presencial.

Direito

Um curso apropriado para o perfil de leitor assíduo, com grande capacidade de interpretação e concentração. Essa é uma característica imprescindível para o acompanhamento de textos técnicos, que têm linguagem mais formal. O curso de Direito é do tipo bacharelado, dura em média cinco anos e é oferecido por faculdades públicas e privadas de todo o Brasil.

A carga de leitura durante o curso de Direito é bem pesada. Envolve leitura de todas as matérias. Desde materiais de estudo, leis e códigos, até mesmo de processos e relatórios para aplicações práticas.

Ler e entender a legislação de forma profunda é um fator fundamental. É preciso estudar as leis que estão na base da Constituição do Brasil e também as importantes leis que envolvem o âmbito mundial. Além disso, o Direito passa por transformações contínuas, o que exige do profissional estar sempre atualizado, buscando aprimorar e aprofundar conhecimentos.

Mais um fator que envolve a escolha do curso é estar ciente e preparado para escrever de maneira formal. Redigir documentos, contratos, petições faz parte do dia a dia desse profissional.

O curso de Direito é sempre muito procurado nos vestibulares, e uma das razões é que essa formação permite que o profissional consiga alcançar ótimos salários. Apesar da quantidade de bacharéis em Direito que se formam todo ano no Brasil, há muitas áreas de atuação, como direito trabalhista, criminal, penal, imobiliário, etc., o que o torna um mercado amplo e cheio de possibilidades.

Ciências Sociais

As pesquisas do curso de Ciências Sociais podem ser aplicadas a três diferentes áreas: Antropologia, Sociologia e Ciências Políticas. O direcionamento das pesquisas científicas tem influência direta no campo de atuação.

O cientista social costuma realizar muitas pesquisas, e é comum esse profissional ser contratado para elaboração de artigos, colunas e matérias sobre assuntos sociais e políticos em jornais e revistas.

O curso de Ciências Sociais compreende as origens, história, desenvolvimento das sociedades e as relações sociais, econômicas, políticas e culturais. Compreende as relações e estruturas sociais, que envolve muitas pesquisas, além de uma grande e extensa carga de leitura.

O profissional dessa área pode atuar como pesquisador, assim como ministrar aulas de sociologia e antropologia nos ensinos fundamental e médio.

Comunicação social

A área de comunicação proporciona três possibilidades de atuação: Jornalismo, Publicidade e Relações Públicas.

Apesar de possuírem a comunicação como ponto comum, cada graduação apresenta suas especificidades e possibilidades de atuação.

Jornalismo

Um bom profissional de Jornalismo precisa estar atento aos acontecimentos, buscar manter-se antenado aos fatos e entender a melhor forma de adaptar a comunicação para contar às pessoas.

O curso de jornalismo envolve a investigação de tudo que envolve uma notícia, até a divulgação do tema em questão. Integridade e valores são pontos importantes a serem levados em conta. Além disso, o profissional será desafiado a todo momento a ler e escrever. Por isso, ter domínio da língua portuguesa é fundamental.

O curso contempla matérias relacionadas à comunicação, investigação e divulgação, além de aulas de língua portuguesa. Durante a graduação, o aluno passa por momentos práticos e teóricos (que envolvem bastante leitura), para que o futuro jornalista esteja preparado para o mercado de trabalho.

O jornalista possui diversas possibilidades de atuação dentro da área. Coletar informações sobre determinada notícia de interesse público, redigir e editar reportagens, ou trabalhar como entrevistador, apresentador na divulgação de informações em veículos de comunicação, como televisão, jornais, revistas, etc.

Publicidade

O publicitário precisa estar por dentro das principais tendências de mercado, buscar atualização dos principais assuntos, fazer pesquisas e entender o perfil dos consumidores. Todos esses fatores exigem que o profissional esteja a todo momento com disposição para ler bastante.

A publicidade é uma área versátil, e pode proporcionar ao profissional atuar em áreas como redação, criação, planejamento, entre outras. Todas elas requerem a capacidade de imaginação e criação para que uma campanha seja elaborada e possam atingir o público-alvo de forma assertiva.

Relações Públicas

Uma das principais funções do profissional de Relações Públicas é trabalhar nas áreas de comunicação das empresas, tanto para o público interno quanto o externo.

Existem diversas ferramentas para que essa comunicação seja efetivada. Pode envolver desde veículos internos (intranets, boletins informativos), até redes sociais e veículos de mídia (televisão, rádio, jornais e sites).

É um desafio trabalhar na elaboração de conteúdos corporativos alinhados com as estratégias e valores do negócio. Para isso, é preciso unir uma ótima oratória à capacidade de argumentação e persuasão, já que em momentos de crise o profissional precisará adequar a linguagem ao assunto abordado. A leitura neste caso passa a ser primordial, colaborando para que o profissional tenha mais insights.

História


No curso de História a quantidade de conteúdo de leitura é extensa. Os acontecimentos do passado são partes fundamentais para a compreensão do que acontece atualmente. Afinal, a história é construída dia após dia, e esse profissional deve ser capaz de fazer a ligação desses acontecimentos para acompanhar o desenvolvimento do todo.

A abordagem do curso acontece no aprofundamento dos diversos momentos da história do homem e seus principais aspectos. Estudar o passado humano, as principais realizações, a cultura dos diversos povos e espécies animais que já fizeram parte do mundo, a economia, as guerras ao longo da história e do mundo é fundamental para a compreensão histórica.

Tudo isso exige que esse profissional investigue diversos materiais que compõem a história e precisam ser analisados, estudados e compreendidos, como cartas, jornais, manuscritos, documentos, textos. Além disso, deve-se preparar para interpretar informações, objetos, fotos e filmes.

Há possibilidade de o profissional se tornar um historiador ou professor da área, mas independentemente da escolha é garantido que a leitura – e até a escrita – estará presente nas atividades do dia a dia.

Para conhecer outros cursos da FMU, continue acessando nosso blog e acompanhe as novidades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui