Se você optou por fazer uma faculdade particular, porém, tem dificuldade de arcar com as mensalidades, não se desespere. Saiba que há opções de bolsas de estudos que pode facilitar e muito a sua vida, além de ajudar você a conquistar o sonho do diploma. Você sabia que é possível obter bolsas de estudo também na FMU? Se você deseja ingressar na FMU pagando parcelado, ou um valor reduzido, ou até nada de mensalidade, preste bastante atenção nesse texto!

Em outras palavras, se você deseja cursar um dos 100 cursos da FMU, mas precisa de um auxílio financeiro, saiba que a faculdade tem inúmeras facilidades de ingresso.

Neste post, vamos falar sobre 4 delas. Confira!

VEJA QUAIS SÃO OS CURSOS OFERECIDOS PELA FMU

Formas de ingresso para bolsas de estudo FMU

Algumas das formas de ingresso para bolsas de estudo FMU são: ProUni, FIES, nota do ENEM e Programa Move Mais. Conheça mais sobre elas.

ProUni

O Programa Universidade para Todos, ou ProUni foi criado em 2004 e oficializado em 13 de Janeiro de 2005 pelo Governo Federal, com a lei 11.096. Ele é gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC) e foi criado para que os estudantes de menor renda pudessem ter acesso às universidades particulares.

O ProUni é feito para estudantes que fizeram o ensino médio integralmente em escola pública ou, em escola particular, porém com bolsa integral de estudo.

No primeiro semestre de 2019, foram ofertadas 244.186 bolsas de estudo no Brasil. Sendo essas, 116.934 eram bolsas integrais. O estado de São Paulo foi o que mais recebeu bolsas, 59.240 no total.

Existem opções de bolsas de 100%, para estudantes com renda familiar per capita abaixo de 1,5 salário mínimo; e bolsas de 50% para estudantes de renda familiar per capita acima de 1,5 salário mínimo e abaixo de 3 salários mínimos. 

Como conseguir bolsas de estudo FMU com o ProUni?

Primeiro você deve acessar o site do ProUni e fazer sua inscrição. A solicitação de bolsas para o primeiro semestre de 2020 vai de 8 a 31 de janeiro de 2020.

Depois do fim do período de inscrições, o MEC divulga em seu site uma lista de pré-selecionados em 4 de fevereiro, para receber a bolsa. Ainda há uma segunda chamada em 18 de fevereiro para os remanescentes.

Quem pode solicitar as bolsas de estudo FMU com o ProUni?

A renda familiar mensal para solicitar as bolsas de estudo FMU pelo ProUni é de 1 salário mínimo e meio por pessoa. O estudante também deve ter feito a última edição do ENEM já que o critério para para se aprovado no ProUni é a nota dessa prova, que não pode ser menor que 450 pontos, além de não poder ter zerado na redação.

Como já mencionamos, ter feito o ensino médio em escola pública ou com bolsa de estudos em escola particular, também são requisitos para se inscrever no ProUni. Pessoas com deficiência também podem solicitar, além de professores da rede pública.

Esses, não precisam comprovar renda se forem aderir ao programa para cursarem licenciatura nas áreas de matemática, química, física, biologia, história, geografia e português.

FIES

FIES, é o Fundo de Financiamento Estudantil, que também é um programa do Governo Federal, de propriedade do MEC. Ele foi criado para que estudantes dentro das normas do programa sejam contemplados com financiamento da mensalidade de instituições privadas de ensino superior.

Ele foi regulamentado em 12 de julho de 2001 por meio da Lei nº 10.260 e pode financiar com juros zero ou uma parte a juros mais baixos. Somente cursos presenciais concorrem. As instituições devem ter conceito igual ou maior a três no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Candidatos aprovados pelo ProUni que foram contemplados com bolsas de estudo FMU de 50% podem solicitar o financiamento do restante da mensalidade através do FIES.

Como conseguir bolsas de estudo FMU com o FIES?

As inscrições do FIES de 2020 são entre os dias 5 e 12 de fevereiro. Você pode escolher até três opções de cursos para se inscrever e a modalidade (que falaremos a seguir).

Depois que conseguir a vaga, o estudante deve aditar o contrato a cada semestre para não perder o financiamento e para isso, deve ter aproveitamento acadêmico em pelo menos 75% das disciplinas estudadas no último semestre. 

Quem pode solicitar as bolsas de estudo FMU com o FIES?

O estudante deve ter feito o ENEM, porém não precisa ser a última edição, pode ser qualquer uma desde 2010. Além disso, assim como o ProUni, a média das notas na prova objetiva do ENEM deve ter sido de, pelo menos, 450 pontos e a nota na redação maior que zero.

Já a renda familiar varia de acordo com o tipo de bolsa que será solicitada, como mencionamos anteriormente. São dois os tipos: Fies e P-Fies.

  • Fies: São os financiamentos a juro zero, onde a renda familiar mensal per capita deve ser de, no máximo, três salários mínimos. Nessa modalidade, o valor pago é somente o seguro de vida e taxas bancárias. Após a formatura, o estudante inicia o pagamento do restante, que será feito de acordo com a renda do recém formado.
  • P-Fies: com renda máxima per capita de cinco salários mínimos, as condições do financiamento são definidas entre o banco, o estudante e a instituição de ensino. Esses bancos contam com recursos do governo federal.

Nota do ENEM

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), foi criado em 1998 para avaliar os conhecimentos dos estudantes que estavam finalizando o ensino médio. Em 2004 começou a valer como método de ingresso das universidades. Foi criado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que é uma autarquia federal vinculada ao MEC.

Em 2010, a nota do ENEM passou a valer para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona estudantes para ingressar em universidades públicas.

Como conseguir bolsas de estudo FMU com o a nota do ENEM?

Com a nota do ENEM, você pode conseguir de 30% a 100% do valor em bolsas de estudo nos cursos da FMU de acordo com seu desempenho. Pode ser utilizada a melhor nota do ENEM dos últimos 10 anos.

Basta se inscrever no site da FMU, utilizando a nota e agendar a matrícula no final da inscrição. Separar os documentos e o Boletim de Desempenho que comprova a nota do ENEM a partir de 2010 para o ENEM 2020.

Além de ingressar na FMU sem prestar o vestibular, você ainda concorre a bolsas de até 100% em todo o curso de acordo com seu desempenho na prova.

Quem pode solicitar as bolsas de estudo FMU com a nota do ENEM?

Todos podem realizar a prova do ENEM. Mas só podem solicitar as bolsas de estudo FMU, se tiverem concluído o Ensino Médio.

As inscrições são feitas pelo site oficial do ENEM, com seus dados pessoais. Pode ser solicitado atendimento especial, que é destinado para pessoas com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual (mental), dislexia, déficit de atenção e autismo.

A prova do ENEM é dividida em quatro áreas do conhecimento, duas delas aplicadas em cada dia de prova, e uma redação. Cada uma das quatro áreas possui 45 questões, totalizando 90 questões por dia de prova. Além da redação.

Programa Move Mais

O Programa Move Mais ajuda os estudantes durante toda a graduação, desde o vestibular, até a formação. São oferecidas 10 mil bolsas de estudos FMU de até 100%. O percentual dos descontos varia de acordo com o perfil e desempenho no processo seletivo. A duração do benefício varia cada semestre e de acordo com o desempenho acadêmico do estudante.

O aluno da FMU também tem seu currículo revisado por especialistas, participa de palestras e workshops gratuitos, recebe dicas de carreiras e pode ter acesso a vagas exclusivas.

Desde que o programa foi criado, já foram oferecidas mais de 30 mil bolsas de estudo FMU. São válidas para cursos presenciais e semipresenciais. O ingresso pode ser feito através de prova agendada, tradicional ou pela utilização da nota do ENEM. Após aprovada a bolsa, a matrícula pode ser realizada online, por meio da plataforma do Programa Move Mais

Qual opção se encaixa mais nas suas necessidades? Continue acompanhando o nosso blog para mais dicas como essa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui