O curso de Gestão Hospitalar da FMU é destinado a pessoas interessadas em desenvolver, ampliar ou formalizar competências e habilidades na área. 

O mercado tem se comportado de maneira positiva na absorção de egressos do curso, que podem ajudar na ocupação de posições de trabalho nos setores público e privado, na área da Gestão Hospitalar.

O Curso Superior de Tecnologia em Gestão Hospitalar oferece uma formação profissional realizada por meio de várias metodologias. Prepara o gestor para as mudanças e desafios organizacionais, buscando potencializar suas competências e habilidades alinhadas às demandas desse mercado diferenciado. Possibilita o desenvolvimento da capacidade de transferir conhecimentos da vida e da experiência cotidianas para o ambiente de trabalho e  campo de atuação profissional. 

O curso tem o objetivo de formar profissionais com habilidades para atuar em equipes multidisciplinares e competências de gerenciamento de políticas inovadoras na área de Gestão Hospitalar.

Durante o curso, o aluno terá vivências e atividades teórico-práticas, inseridas nas perspectivas inter, multi e transdisciplinar, que despertem o espírito crítico e científico.

SAIBA COMO CONSEGUIR BOLSA PARA O CURSO DE GESTÃO HOSPITALAR DA FMU

Quais tipos de habilidade serão desenvolvidos durante o curso?

O estudante aprenderá e terá acesso a uma avaliação sistemática dos procedimentos, práticas e rotinas internas e externas de uma organização. Ganhará domínio sobre aplicação de normas, padrões e ferramentas referentes à gestão de organizações na área de saúde.

O estudante vai desenvolver a análise das situações organizacionais, além das necessidades do mercado. Estará apto a propor estratégias para obtenção de vantagens competitivas e sustentáveis. Além disso, aprenderá a pensar estrategicamente, equacionar soluções e introduzir modificações. Poderá atuar preventivamente com relação à gestão hospitalar e reconhecer e definir problemas no processo de prestação de serviços.

Leia também: Faculdade de Biomedicina em SP: tudo que você precisa saber sobre o curso na FMU

O que você vai estudar no curso de Gestão Hospitalar da FMU?

Torne-se apto a controlar as compras e os custos de materiais, organizar as áreas de logística e supervisionar os contratos e os convênios da unidade hospitalar com acesso à grade curricular abaixo:

  • Antropologia e cultura brasileira
  • Atividades complementares
  • Auditoria hospitalar
  • Avaliação, controle e regulação no SUS
  • Bioética
  • Comunicação
  • Desafios contemporâneos
  • Direito empresarial
  • Empreendedorismo
  • Fundamentos da administração
  • Fundamentos da Economia
  • Fundamentos do Marketing
  • Gestão da qualidade e certificações em saúde
  • Gestão de contratos e convênios e faturamento hospitalar
  • Gestão de resíduos sólidos em saúde
  • Gestão de serviços em saúde
  • Gestão estratégica de pessoas
  • Gestão financeira e orçamentária
  • Hotelaria hospitalar
  • Matemática financeira
  • Negociação e vendas
  • Operações e logística
  • Optativa I
  • Optativa II
  • Operações e logística
  • Primeiros socorros
  • Projeto integrador: diagnóstico organizacional
  • Projeto integrador: gestão de operações em saúde
  • Projeto integrador: gestão de projetos
  • Projeto integrador: planejamento estratégico
  • Projeto integrador: temas transversais
  • Saúde Pública
  • Sistemas de informações gerenciais
  • Marketing e serviços
  • Métodos de preços, custos e custeio

O que faz o profissional formado em Gestão Hospitalar?

O campo de atuação dos profissionais com formação em Gestão Hospitalar é bastante amplo e oferece muitas oportunidades. O profissional de gestão hospitalar é responsável por supervisionar as equipes que fazem parte do quadro geral de funcionários. Desde médicos e enfermeiros até aos atendentes e recepcionistas. 

As atribuições diárias desse profissional podem variar de acordo com o local de trabalho. De forma geral, atuam no controle das finanças do hospital e garantem o cumprimento das políticas da empresa, além de atuar na integração da equipe, dominar as informações sobre a estrutura e a tecnologia do hospital. Compreender as rotinas e as responsabilidades de cada funcionário também está entre suas funções.

Em centros hospitalares maiores, por exemplo, pode acontecer de os especialistas da área não atuarem no gerenciamento de instalações inteiras, e sim em áreas específicas. Dessa forma, ficam com a responsabilidade de áreas, equipes ou departamentos específicos, como finanças, serviços de atendimento ao paciente ou de estoque de materiais.

O gestor hospitalar deve identificar possíveis mudanças que podem contribuir para que os padrões do hospital sejam elevados. Além disso, deve se atentar para que toda a composição de uma unidade de saúde seja executada de forma alinhada e para que os colaboradores realizem as suas funções conforme foram determinadas.

É um cargo que, apesar de ter pouca relação direta com os pacientes, é fundamental para a melhoria na qualidade do atendimento hospitalar. A atuação está diretamente ligada às aplicações e transformações de políticas que têm o objetivo de aprimorar os padrões da unidade de saúde.

Possibilidades de atuação na área de Gestão Hospitalar:

  • setores administrativos de hospitais, clínicas, unidades básicas de saúde;
  • laboratórios médicos;
  • laboratórios de análises clínicas;
  • empresas prestadoras de serviço em saúde, tanto no setor público quanto no privado.

O mercado de trabalho para o gestor hospitalar está aquecido?

O acesso aos serviços de saúde pela população está crescendo. Além disso, o número de hospitais no país tem crescido nos últimos anos. Por isso, mesmo que o profissional não seja considerado da área da saúde (como médicos e enfermeiros), é uma carreira privilegiada pelas perspectivas de crescimento para o setor. Os espaços precisam de um administrador com conhecimentos específicos sobre o setor da saúde, e esse crescimento aumenta também a demanda por profissionais de Gestão Hospitalar. 

O mercado de trabalho na área de Gestão Hospitalar tem buscado profissionais qualificados e com amplo conhecimento no gerenciamento de centros de saúde e hospitais públicos e privados de pequeno, médio e grande porte. No meio de todas as atividades executadas em hospitais, os gestores podem ser direcionados para diversas atribuições que envolvam toda a rotina.

O profissional encontra oportunidades em hospitais públicos e privados, prontos-socorros, ambulatórios, laboratórios de análises clínicas, centros de atenção psicossocial, maternidades, clínicas de fisioterapia, casas de repousos e reabilitação, clínicas de estética, empresas de consultoria e secretarias de saúde.

Como no Brasil ainda existe a carência por profissionais qualificados nessa área, quanto mais qualificado e maior aprofundamento na área, maiores as chances de conseguir uma boa colocação no mercado. 

O gestor hospitalar está apto para trabalhar em estabelecimentos públicos e privados. Além de hospitais, ele ainda atua em clínicas médicas, spas, casas de repouso, maternidades, postos de saúde, clínicas de estética e outros locais ligados ao setor da saúde.

Leia também: Faculdade de Odontologia em SP: por que procurar a FMU

Quanto ganha um gestor hospitalar?

Como a área de Gestão Hospitalar inclui várias responsabilidades, os salários podem chamar atenção. Existe a possibilidade de ganhos diferenciados.

No início da carreira numa empresa de médio porte, um profissional da área de gestão hospitalar ganha em média R$ 2.700,00, aponta o Sistema Nacional de Empregos (SINE).

A média salarial do Brasil para um gestor hospitalar é de R$ 4.716,00, de acordo com o Guia de Profissões e Salários da Catho.

Depois de algum tempo de experiência na área, e ao obter um cargo numa empresa de grande porte, o salário do gestor hospitalar pode ultrapassar os R$ 8.500,00.

Lembramos que a remuneração pode variar bastante de acordo com o exercício da profissão, o tamanho da empresa na qual atua, além da experiência, cursos de especialização e pós-graduação. A região também deve ser levada em conta, já que em capitais e grandes centros existe a possibilidade de conseguir um salário maior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui