O Brasil é o quarto país com mais animais de estimação. Cerca de 60% dos lares brasileiros têm cães e gatos, mas a presença de animais na rotina das pessoas vai muito além dos pets que recebem todo carinho e cuidado dos seus tutores. Existem fazendas, zoológicos, centros de controle de zoonoses, indústrias de alimentos de origem animal, laboratórios de pesquisa, criadouros de aves e muitas outras opções de lugares para que os interessados em cursar graduação em Medicina Veterinária na FMU possam atuar profissionalmente.

Se você está considerando estudar Medicina Veterinária, descubra agora quais são os diferenciais do curso da FMU que forma bacharéis em Medicina Veterinária.

VEJA AQUI COMO CONSEGUIR UMA BOLSA DE ESTUDOS NA FMU

O que é Medicina Veterinária?

A Medicina Veterinária é uma ampla área de estudo que trabalha principalmente com a pesquisa, diagnóstico e tratamento de doenças, além do cuidado que proporciona bem-estar aos animais de pequeno, médio e grande porte, incluindo os animais silvestres.

Quem escolhe fazer a graduação nessa área sabe que deve fazer dessa sua profissão não só por ter interesse nos animais de estimação que fazem parte da família, mas por ter em mente as questões de saúde pública e formas de atuação mais abrangentes do que a área clínica.

Leia também: Tudo o que você precisa saber sobre o curso de Biomedicina da FMU

Sobre o curso de Medicina Veterinária na FMU

O curso de Medicina Veterinária na FMU tem duração de nove semestres e é realizado na modalidade presencial. Entre os diferenciais que a Medicina Veterinária FMU oferece aos alunos estão os convênios pelos quais é possível realizar os estágios obrigatórios, momento da graduação em que os estudantes conseguem conciliar o conhecimento teórico com a prática que encontrarão no mercado de trabalho.

O Jockey Clube de São Paulo é uma das instituições parceiras, assim como fazendas em diferentes lugares do Estado. Os alunos fazem visitas técnicas e monitoradas nesses locais a fim de complementar sua formação acadêmica.

A infraestrutura do curso de graduação em Medicina Veterinária na FMU conta com laboratórios novos e inovadores com manequins para praticar as habilidades adquiridas ao longo dos semestres.

Além dos laboratórios, os alunos têm acesso ao Hospital de Medicina Veterinária, que possui excelente estrutura para o atendimento de animais, nas especialidades gastroenterologia, endocrinologia, neurologia, oftalmologia e animais selvagens, além de oferecer serviços de pronto-socorro e centros de técnica cirúrgica. 

No Hospital de Medicina Veterinária FMU os alunos realizam estágios supervisionados e acompanhamento do corpo docente, em sua maioria titulados mestres e doutores que atuam no mercado de trabalho e proporcionam excelentes redes de contatos que podem viabilizar a indicação dos estudantes em todas as áreas de atuação do médico veterinário e a empregabilidade dos estudantes.

Leia também: Dicas para estudar melhor: 10 práticas infalíveis

O que se estuda no curso de Medicina Veterinária 

Quem escolhe cursar Medicina Veterinária na FMU tem acesso a um currículo que proporciona a inovação e a busca por soluções para os problemas impostos pelo mercado de trabalho. 

O médico veterinário formado na FMU será um profissional que saberá colocar em prática o conhecimento teórico pensando e resolvendo diferentes desafios na prática diária do cuidado, pesquisa e atuação com os animais priorizando a ciência, a tecnologia e a organização, baseado no conhecimento da demanda como ferramentas fundamentais do seu trabalho.

Durante os nove semestres de formação são desenvolvidas algumas habilidades, entre elas:

  • Atendimento clínico e cirúrgico aos animais de pequeno, médio e grande porte, além de executar ações de defesa aos animais em situação de risco.
  • Ações voltadas ao saneamento ambiental, à medicina veterinária preventiva e à saúde pública.
  • Promoção da sanidade dos animais e dos ambientes que os cercam.
  • Participação de ações de higiene e inspeção dos produtos de origem animal, zootecnia, produção e reprodução animal, ecologia e proteção ao meio ambiente.

Entre as disciplinas que compõem a grade curricular do curso de Medicina Veterinária FMU estão:

  • Agressão e Defesa em Medicina Veterinária.
  • Anestesiologia Veterinária.
  • Atividades Complementares.
  • Bioestatística e Epidemiologia.
  • Biotecnologia e Reprodução Animal.
  • Cadeias Produtivas em Medicina Veterinária.
  • Clínica Complementar ao Diagnóstico.
  • Clínica de Aves e Suínos.
  • Clínica de Grandes Animais. 
  • Clínica de Pequenos Animais.
  • Clínica e Conservação de Animais Silvestres.
  • Comunicação Clínica.
  • Corpo Animal. 
  • Criação e Produção Animal.
  • Desenvolvimento Humano e Social.
  • Emergências e Cuidados Intensivos.
  • Estágio Profissional.
  • Ética e Bem-estar Animal.
  • Farmacologia e Toxicologia Veterinária.
  • Fisioterapia e Reabilitação Animal.
  • Gestão de Clínicas e Consultórios.
  • Gestão em Serviços de Saúde.
  • Higiene e Inspeção de Produtos de Origem Animal.
  • Melhoramento Genético Animal.
  • Metodologia Científica.
  • Nutrição Animal.
  • Práticas Veterinárias .
  • Processos Biológicos.
  • Processos Biológicos no Organismo Animal.
  • Programa de Integração Saúde Comunidade.
  • Sanidade Animal.
  • Saúde Coletiva em Medicina Veterinária.
  • Tecnologia de Produtos de Origem Animal.
  • Terapêutica Medicamentosa.
  • Zoonoses.

Principais áreas de atuação do médico veterinário

Após concluir o curso de graduação em Medicina Veterinária na FMU, o médico veterinário poderá atuar em uma variada gama de áreas, tendo como opções o trabalho com farmacologia, reprodução de animais e também a indústria alimentícia.

Uma curiosidade sobre o mercado de trabalho para os veterinários é a participação ativa em qualquer indústria alimentícia, se a fábrica trabalha com produtos de origem animal é necessária a presença de um médico veterinário acompanhando e fiscalizando o processo de produção.

Os veterinários também são indispensáveis na elaboração e produção de produtos para os animais, como rações e acessórios, mais uma vez uma ampla área de atuação, uma vez que o mercado de consumo para animais domésticos é bastante grande, desde a alimentação até cosméticos e produtos para recreação. Assim como a produção de ração e remédios para os animais de corte, os animais de zoológico e assim por diante.

Locais em que os médicos veterinários podem trabalhar:

  • clínicas veterinárias para animais de estimação;
  • Fazendas;
  • Indústrias de alimentos de origem animal;
  • Centros de controle de zoonoses;
  • Órgãos fiscalizadores;
  • Zoológicos;
  • Institutos de pesquisa;
  • Universidades.

Quanto ganha um médico veterinário

O tempo de atuação e a experiência profissional contam na hora de o médico veterinário calcular o salário, mas as horas de trabalho também influenciam. De acordo com o SINE (Sistema Nacional de Emprego), a jornada de trabalho está relacionada com a renda do profissional, em média, da seguinte forma:

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos.
  • Jornada de 7 horas: 7,5 salários mínimos.
  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos.

Vai estudar Medicina Veterinária? Escolha a FMU

A escolha da faculdade para cursar sua graduação é parte da realização de um curso bem-sucedido. O curso de Medicina Veterinária da FMU oferece aos alunos uma infraestrutura de laboratórios e salas de aula de excelência, corpo docente habilitado e atuante, convênios e parcerias que poderão abrir portas no mercado de trabalho para os futuros médicos veterinários e ainda um diferencial planejado pensando na segurança dos alunos: transporte gratuito do campus Ponte Estaiada para a estação Morumbi da CPTM, de segunda a sexta.

Venha conhecer o campus e a estrutura física, conheça todas as formas de ingresso na FMU, desde as provas tradicionais até a utilização da nota do Enem e a possibilidade de conquistar sua bolsa de estudos. Entre no nosso site e descubra as possibilidades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui