Entrar na universidade normalmente é a realização de um sonho. Mas é claro que nem tudo são flores. São diversos os motivos que podem causar problemas na faculdade, principalmente para os recém-chegados, os populares calouros. Seja por falta de experiência ou maturidade, seja pela vergonha de ainda não conhecer ninguém ou até por não saber administrar bem seu dinheiro. A universidade é um ambiente completamente novo em relação ao ensino médio!

Saber lidar com esses problemas é mais do que passar por esse período, é se preparar para o que vem depois também, que é a vida profissional. Em qualquer curso, seja Enfermagem ou Design Gráfico, há problemas comuns entre os estudantes. Na verdade, dúvidas frequentes em relação ao dia a dia na faculdade. Isso também ocorre em instituições de qualidade, como a FMU.

Neste post vamos falar sobre esses e outros problemas na faculdade e como você pode enfrentá-los da melhor maneira possível.

CLIQUE AQUI E SAIBA COMO OBTER UMA BOLSA ESTUDOS NA FMU

Leia também: Centro Universitário FMU: 4 motivos para estudar na instituição

Como solucionar 6 problemas na faculdade

A vida acadêmica pode ser muito diferente da que você vivia na época do ensino médio. As responsabilidades são distintas e as cobranças são maiores. Afinal de contas, você está estudando para ser um profissional!

Muitos são os problemas que o calouro encontra nesse início de vida universitária e hoje estamos aqui para falar de algum deles:

1. Trote

Dá até um frio na barriga só de pensar no trote, não é mesmo? Será que vão me sujar de tinta, de ovo e farinha ou então me fazer passar vergonha? Pode ser que o trote não seja um dos principais problemas na faculdade, mas definitivamente ele é um dos primeiros que passam na cabeça do estudante recém chegado.

Pois saiba que o trote não é obrigatório e a vontade do calouro deve ser sim respeitada. Muitas universidades, inclusive, já aboliram os trotes por conta de problemas no passado.

A FMU, por exemplo, oferece a oportunidade dos alunos participarem de um Trote Solidário. São feitas arrecadações de materiais escolares e doação de sangue.

Se você resolver participar, encare esse momento do trote como uma oportunidade de integração com os veteranos do curso. Mas sempre deixe claro seu posicionamento e exija seu direito de não participar, caso seja da sua vontade.

2. Sobrecarga de matérias

Muitos cursos exigem bastante dos estudantes. Nas engenharias, por exemplo, já de início o aluno vai deparar com uma série de disciplinas bem diferentes das estudadas no ensino médio. Ainda por cima, com uma carga horária bem maior também. Como lidar com isso?

Em primeiro lugar, saiba que você não é obrigado a cursar todas as disciplinas oferecidas no semestre. Você pode tentar ajustar seus horários da melhor maneira possível para que consiga dar conta de tudo. Algumas universidades oferecem uma grade curricular mais flexível, onde você pode ajustar melhor seus horários.

Porém, é muito importante lembrar que diversas disciplinas contam com pré-requisito. Isso significa que algumas matérias no futuro não poderão ser feitas caso estas não tenham sido finalizadas. Isso pode implicar em um atraso na sua formatura.

Mas saiba também, que atrasar a formatura não é um problema! Aproveitar ao máximo as oportunidades que a universidade oferece, muitas vezes vale mais do que se formar no tempo esperado. São inúmeras as opções como: estágios, intercâmbios, seminários, encontros. Muitos motivos para você aproveitar seu tempo dentro da faculdade, sem pressa e com qualidade.

3. Relacionamento com os veteranos

Eles podem até parecer “mal encarados” a primeira vista, mas eles serão você amanhã! Todo veterano já foi um dia calouro e, pode ter certeza, que lembram exatamente da sensação que era ser um novato.

Muitos deles estão superdispostos a ajudar quem está chegando. Conhecer o campus, saber mais sobre as matérias que todo mundo tem dificuldade, ajudar a encontrar um local pra morar, são apenas algumas ajudas que os veteranos podem te dar.

Esse relacionamento com o pessoal mais experiente pode trazer muitos benefícios. Desde amizades duradouras até parcerias no trabalho futuro! Sendo assim, não tenha medo de conhecer essas pessoas. Esteja aberto ao relacionamento com os veteranos!

Ah, e eles também podem te ajudar no próximo problema:

4. Relacionamento com os professores

Muitos professores serão, no futuro, seus colegas de profissão. Então, o ideal é que você tenha o melhor relacionamento possível com eles.

Esse é um dos grandes problemas na faculdade enfrentado por estudantes: professores difíceis. Isso porque alguns deles sabem muito bem a matéria mas não sabem como explicar. Outros acabam “cismando” com certos alunos. Ou ainda, tem aqueles que simplesmente não são tão abertos. E como resolver tudo isso?

Uma dica é procurar saber mais sobre o currículo desses professores. Procurar artigos e livros que eles escreveram pode gerar um bom início de conversa. Como mencionamos anteriormente, ter um bom relacionamento com os veteranos também ajuda, afinal eles já foram alunos desses professores.

Saiba que os professores enfrentam diariamente estudantes desinteressados e que estão ali só para cumprir tabela ou agradar aos pais. Mostre pra eles que você é diferente, que está ali para aprender e ser um bom profissional. Pode ter certeza que vai gerar muito mais empatia e disposição de ensinar.

Um bom relacionamento com os professores pode gerar muitos resultados, como estágios e bolsas. Então não perca tempo e seja legal e interessado nas aulas!

Leia também: Cursos para quem é bom em matemática: saiba quais são os melhores

5. Organização financeira

Junto com a faculdade, normalmente começa também uma nova vida de responsabilidades financeiras.

Alguns estudantes vão morar em outras cidades, outros vão precisar trabalhar para pagar as mensalidades, mas todos vão ter que aprender a lidar com o início da vida adulta e suas consequências.

CLIQUE AQUI E SAIBA COMO OBTER UMA BOLSA DE ESTUDOS NA FMU

A falta de dinheiro pode ser um dos grandes problemas na faculdade. Para isso, aqui vão algumas dicas:

  • Mantenha-se organizado. Tanto nos estudos, quanto nas finanças. Faça uma planilha de gastos e controle tudo que entra (seja a bolsa de estágio, o salário ou a mesada) e tudo que sai;
  • Tente conseguir um estágio. Desde a primeira fase é possível procurar vagas. Além da compensação financeira, você ainda coloca em prática seus conhecimentos adquirido nas aulas;
  • Ofereça aulas particulares. Se você tem facilidade em alguma matéria, por que não utilizar esse conhecimento para ganhar um dinheirinho extra?
  • Vá atrás de bolsas de estudo. A FMU oferece uma série delas, com as mais diversas maneiras de ingresso. Saiba mais aqui;
  • Planeje suas refeições. Onde houver restaurante universitário, aproveite. Agora se na sua universidade não tem, programe-se para cozinhar nos fins de semana e manter algumas comidinhas congeladas para o dia-a-dia. Você vai economizar bastante deixando de comer fora.

6. Eventos e festas

Mas eventos e festas são problemas na faculdade? Podem ser sim!

São muitas as oportunidades de festa que virão nesse período. Se duvidar, pode ter festa todo dia dentro e fora dos campi. E você, calouro que se preze, vai querer estar em todas, certo? Mas sabemos que não será possível frequentar todas elas.

Aproveitar as oportunidades de socialização é fundamental para o crescimento pessoal, profissional e o aproveitamento dessa época tão legal que é a faculdade. Mas, como tudo na vida, deve haver um equilíbrio.

Observe sua grade de horário, seu calendário de provas e trabalhos e também, por que não, sua conta bancária. Esses itens dirão se você pode ir naquela próxima festa no Centro Acadêmico na sexta que vem.

Agora, os eventos e atividades extracurriculares são sempre bem vindos. Se forem para agregar conhecimento e currículo, devem ser sim valorizados. Estes ampliam sua rede de relacionamento e fazem você conhecer novas realidades.

Cursar matérias de outros cursos também pode ser uma maneira de interagir com outros estudantes, professores e ampliar seus horizontes.

Aproveite todas as oportunidades que a universidade te oferece. Seja em pesquisa, extensão, monitoria, diretórios estudantis ou empresas juniores. A vida universitária é um prato cheio de atividades para você participar.

Estar sempre envolvido em projetos, além de gratificante, é um diferencial no currículo do aluno e pode ser determinante para o seu futuro profissional.

Conhece mais problemas na faculdade? Conta pra gente como você fez para solucioná-los!

E continue acompanhando o nosso blog para ter mais dicas como essa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui